• Carol Ussier

Me apaixonando em Cusco


Foi amor à primeira vista. Sabe quando você sente aquele frio na barriga, aquela vontade de quero mais? Quando mesmo sem conhecer direito você se sente super confortável desde o primeiro contato. Ou quando você deseja que o tempo pare para que você possa aproveitar mais, nem que seja por alguns minutos. Pois é... eu me apaixonei. Me apaixonei por Cusco =)

Saí de Puno por volta de 22h em direção a Cusco. Existem muitas empresas rodoviárias que oferecem este trajeto e o serviço prestado por cada uma é bem diferente, assim como os preços. Eu acabei optando por uma empresa intermediária, nem de luxo (que dizem ter wi-fi), nem básica. Paguei 30 soles para a empresa Huayhuro e tive uma boa experiência, apesar do frio. O trajeto não teve paradas e chegamos em Cusco 4h da manhã. A rodoviária de Cusco é bem movimentada, mas facilmente você acha o ponto de táxi. Eu já tinha reserva no hostel Loki, da mesma rede que eu fiquei em La Paz, e fui direto para lá. Mesmo sendo muito antes do horário do check-in eles me receberam super bem e pude inclusive ir para o quarto e dormir mais um pouco, já que estava super cedo. Dica: a quinta noite em hotéis da rede Loki é gratuita e não precisa ser na mesma cidade e nem dias consecutivos. Eu estava sem banho desde La Paz. Sim, eu sei, foram 4 dias sem banho =/, mas nas ilhas do Titicaca é assim mesmo. E o que eu tenho a comentar sobre este tema é que o banho que eu tomei no Loki em Cusco foi um dos melhores da minha vida. Claro que o tempo sem banho pesa, rs, mas o que eu quero dizer é que o Loki é um bom hostel. ​ Além disso, ele fica bem perto do centro em uma rua cheia de lavanderias. Se você precisar lavar roupas, Cusco é um bom lugar para isso (paguei 10 soles para lavar 2 sacos de roupas).

A cidade é LINDA. Não sei explicar, mas eu realmente me senti muito bem lá. Além de ser muito bonita, tem uma energia muito boa, de muita paz. Eu andei um pouco pelo centro histórico, passei por muitas praças, igrejas, monumentos e arcos. O legal de Cusco é que grande parte das construções históricas ainda está preservada, tanto ruínas do império inca quanto arquitetura da época da colonização espanhola. ​

Para mim os highlights da cidade são:

Plaza San Francisco: a igreja San Francisco é bem bonita. Para quem gosta de igrejas, sei que dá para visitar seu interior. Em alguns dias da semana acontece uma feira de artesanato na praça e ao redor dela estão algumas opções de restaurantes mais baratos do que em outros lugares Mercado municipal: essencial uma passada por lá, mesmo que você não queira comprar nada (o que eu acho difícil). É um bom lugar para comprar folha de coca e snacks para comer (especialmente para quem vai fazer alguma trilha). A rua que leva até o mercado é linda (Calle Santa Clara)

Calle Santa Clara

Plaza de Armas

Plaza de Armas: é a queridinha de Cusco, mas tem sua razão. Durante o dia é ponto de encontro para vários tours e à noite é o centro do agito, com muitos bares, baladas e restaurantes ao seu redor. ​ Museu Histórico Regional: conta toda a história do império Inca e do Peru, desde a era paleozóica. Além de ser bem educativo, a visita é guiada. Achei bem legal para entender melhor a cultura. ​

​Bairro San Blas: é o retiro dos artistas e intelectuais. Cheio de galerias, cafés literários, oficinas, restaurantes e é claro, ladeiras. Eu passei uma manhã inteira me perdendo por lá. Não tenha medo de entrar em vielas e de explorar bastante. Tenho certeza que a cada esquina você vai encontrar algo que vai te surpreender =)

Vista de San Blas

Outras 2 coisas que para mim são imperdíveis são: Walking tour “by Marco”: é um walking tour gratuito. Na verdade no final você paga quanto achar que vale. O ponto de encontro é a plaza de Armas às 10 AM e 12:45 PM. Existem vários tours que saem dessa plaza, mas eu recomendo procurar por esse pessoal de camisa azul (contato ao lado). O Marco é historiador e sabe muita coisa sobre o Peru e Cusco e além disso ele te leva por alguns lugares "alternativos", fora dos pontos turísticos tradicionais. ​

Comer em Cusco! Sério, depois de muitos dias na Bolívia comendo frango com batata frita foi um alívio poder comer bem novamente. ​ ​E eu nem comecei a falar das ruínas Incas, que vão ficar para um próximo relato =). ​Cusco, com certeza te vejo novamente um dia!

#Cusco #Peru #Cidades

0 visualização
Ana Carolina Ussier

Uma mulher viajante, com sol em aquário e lua em sagitário. Tenho muitas versões: engenheira por formação, gerente de projetos por convicção e dançarina por vocação, mas acima de tudo uma grande incomodadora inconformada. Apaixonada por inclusão social e pelo universo feminino. Vivendo pela África Ocidental desde 2017, agora sem residência fixa.

 

Conheça mais

 

© 2017 by Carolando no Mundo. Todos os direitos reservados